Polícia começa hoje a investigar desaparecimento de professor da Ufal

professordaniel

A Polícia Civil começa nesta sexta-feira (30) a investigar o desaparecimento do professor Daniel Thiele, visto pela última vez no dia 19 deste mês, na Universidade Federal de Alagoas, no bairro Cidade Universitária, em Maceió, onde leciona no curso de Química.

O Boletim de Ocorrência foi registrado nessa quinta, por um irmão de Daniel, que veio a Alagoas para solicitar a apuração do sumiço. O professor é natural de Nova Petrópolis, no Rio Grande do Sul, onde mora sua família.

De acordo com o chefe de operações do 2º Distrito Policial, Ariel Almeida, ele vai ainda hoje até o endereço de Daniel, na Rua Jangadeiros Alagoanos, na Pajuçara, para conversar com vizinhos e tentar localizar câmeras de segurança que possam ajudar na investigação.

O irmão dele também será ouvido e questionado sobre relacionamentos ou amizades que Daniel tinha, que pudessem levantar a suspeita da família. “Vou saber se o irmão soube de mais alguma novidade”, disse.

Segundo o BO registrado junto à Polícia Civil, Daniel esteve pela última vez na Ufal no dia 19, quando compareceu para dar aulas e foi visto pela diretora do Instituto de Química, Francine de Paula.

No dia 20, conforme consta no registro de utilização da academia do prédio onde o professor mora, ele esteve na academia do edifício das 7h30 às 9h10. O número de telefone de Daniel está desligado e o carro dele, um Fox prata de placa NLZ-2301, também está desaparecido.
TNH1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Deprecated: Directive 'track_errors' is deprecated in Unknown on line 0