Neste dia 8 de março, mulheres da PMAL são homenageadas em evento no QCG

Uma representação das mais de 840 mulheres que integram as fileiras da Polícia Militar de Alagoas foi homenageada, na manhã desta quinta-feira (08), durante um evento alusivo ao ‘Dia Internacional da Mulher’, realizado no Quartel do Comando Geral (QCG), situado no Centro de Maceió.
O coronel Thúlio Emery, diretor de Pessoal, que na ocasião representou o comandante-geral da corporação, destacou o papel que a mulher exerce no que diz respeito à segurança da sociedade alagoana.
“É uma data de alegria e de reflexão, em que pode ser considerado como o marco de uma série de conquistas sociais e desafios apresentados na vida social das mulheres de todo o mundo. A mulher tem que ser sempre valorizada, pois possui um papel fundamental enquanto mãe, filha, esposa, e principalmente como figura atuante na sociedade”, assegurou o oficial superior.
Ao som da Banda de Música da PM, as policiais femininas receberam rosas e degustaram de um coquetel preparado com muito carinho para essas valorosas e destemidas guerreiras.
Outras programações alusivas às mulheres
Ainda nesta manhã, o Centro Médico da PMAL, em parceria com a Capelania, HGE e UNIT/AL, realizou palestras e atividades voltadas para a saúde da mulher, dentre os temas foi abordado DST’s e incontinência urinária. Uma equipe do Centro Musical também abrilhantou o evento e encantou os pacientes que estavam no Hospital da Polícia Militar.
Inserção de mulheres na Polícia
Foi no ano de 1955, que a Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo (SP) promoveu a primeira experiência do Brasil de inserção das mulheres nas atividades policiais, tornando-se, deste modo, um paradigma de modernização para as corporações policiais do país.
Em Alagoas a primeira turma de Praças femininas foi instituída no ano de 1989. O grupo, composto por 35 mulheres do Curso de Formação de Soldados Femininos (CFSd Fem) e 11 do Curso de Formação de Sargentos Femininos (CFS Fem), foi o primeiro formado em Alagoas. Um ano antes, em 1988, como não havia Academia de Polícia em Alagoas, as primeiras oficiais femininas foram formadas em Pernambuco e Minas Gerais, retornando em 1990 ao Estado para iniciar a carreira policial militar.
Ascom – 08/03/2018

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Deprecated: Directive 'track_errors' is deprecated in Unknown on line 0