Interligar municípios para escoar produção do Canal do Sertão

Rodovias que ligam Piau/Inhapi e Mata Grande/Santa Cruz/Água Branca devem ser tocadas pelo Estado

54156bdcd7316e7eeaa9c4bdf4e0b58e_L
Produção das áreas irrigadas ajuda a desenvolver o Sertão. Foto: Paulo Rios/Arquivo

O Governo de Alagoas quer interligar regiões para fomentar a economia regional, sobretudo quando se trata do Sertão do Estado, oportunizando o desenvolvimento local. Para concretizar este projeto, o governador Renan Filho autorizou que o Departamento de Estradas e Rodovias (DER) faça o levantamento para a construção da rodovia que liga Piau, distrito do município de Piranhas, até o município de Inhapi. É um antigo sonho do povo sertanejo.

“Com o Canal do Sertão, vamos precisar de caminhos para escoar a produção das terras irrigadas, para integrar a região. E é fundamental que no projeto de desenvolvimento do Sertão esteja a ideia de interligar Piranhas [com o Piau] ao município de Inhapi para aproximar essa região”, comentou Renan Filho.

Outra demanda da região é a retomada da estrada que interliga o município de Mata Grande, o povoado de Santa Cruz e o município de Água Branca. “É outra muito importante também para o Sertão”, confirmou o governador.

O superintendente de Operação, Restauração, Implantação e Conservação do DER, Iran Menezes, informou que o trecho que ligará Mata Grande à Santa Cruz estava em processo de terraplanagem.

Após a assinatura da ordem de serviço, que deverá ser realizada no próximo Governo Presente (Edição Sertão), o trecho deve ser concluído em até 90 dias. Já de Santa Cruz à Água Branca, os trabalhos devem ser finalizados em seis meses.

Somadas as novas vias de escoamento, a conclusão da adutora do Alto Sertão vai incentivar ainda mais a fruticultura no Semiárido alagoano.

Maynara Rocha – Agência Alagoas


Deprecated: Directive 'track_errors' is deprecated in Unknown on line 0