Corpo de Bombeiros Militar de Alagoas recebe novas viaturas operacionais

large
Viaturas foram adquiridas com recursos próprios da taxa de bombeiros e do fundo da Superintendência de Atividades Técnicas, perfazendo um total de seis ABS e três AT, que já foram recebidos pela corporação bombeiro militar neste ano de 2015 (Foto: Ascom/Bombeiros)

Neste sábado (12), chegaram ao Quartel Geral do Corpo de Bombeiros Militar de Alagoas mais três Auto Bomba e Salvamento (ABS) –  viatura operacional utilizada para combate a incêndio de pequeno e médio e porte e para salvamento terrestre e resgate de animais – e dois Auto Tanque (AT), utilizada para apoio, com grande capacidade de armazenamento de água.

Os ABS tem um tanque com capacidade para 1800 litros de água e 200 litros de líquido gerador de espuma (LGE). Já os AT têm um tanque com capacidade para 12000 litros de água.

O ABS tem uma configuração que torna o veículo ágil e versátil para diversos tipos de operações (combate a incêndios, salvamentos e resgates), devido a sua capacidade de armazenamento de água e aos amplos compartimentos laterais possibilitarem a acomodação de equipamentos, ferramentas e acessórios. A viatura já chegou equipada com alguns materiais de combate a incêndio e salvamento. Já o AT é um veículo de apoio no suprimento de água em operações de combate a incêndios.

Essas viaturas foram adquiridas com recursos próprios da taxa de bombeiros e do fundo da Superintendência de Atividades Técnicas, perfazendo um total de seis ABS e três AT, que já foram recebidos pela corporação bombeiro militar neste ano de 2015. Cada Auto Tanque custou R$ 490 mil e cada Auto Bomba Salvamento custou R$ 470 mil. Mais dois ABS chegarão até fevereiro de 2016.

Essas viaturas serão distribuídas na capital e no interior, aumentando o poder operacional de todo o estado para melhor atuação em ocorrências.

Agência Alagoas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Deprecated: Directive 'track_errors' is deprecated in Unknown on line 0