Casal reforça monitoramento da água com aquisição de 80 analisadores e 50 mil reagentes

A Companhia de Saneamento de Alagoas (Casal) reforçou e padronizou a análise da qualidade da água em suas estações e laboratórios da capital e do interior por meio da aquisição de 80 equipamentos e 50 mil unidades de reagentes.

Os kits foram entregues pelo presidente Clécio Falcão e pelo vice-presidente de Gestão Operacional, Francisco Beltrão, nesta sexta-feira (2), aos gerentes das Unidades de Negócio do interior e aos supervisores e técnicos responsáveis pelos laboratórios e Estações de Tratamento de Água (ETAs).

Cerca de R$ 150 mil foram investidos na aquisição de 20 analisadores da cor, 20 de turbidez, 20 de cloro residual e 20 de ph, além de 50 mil unidades de reagente necessário para se analisar o cloro residual da água. Os kits serão usados em 13 ETAs e laboratórios da Companhia espalhados pelo estado.

“Como todos são equipamentos da mesma marca e modelo, estamos padronizando as análises feitas pela Casal”, ressaltou o supervisor de Tratamento da ETA Pratagy, Franklin Bispo. “A empresa hoje tem a maior credibilidade em monitoramento e análise da água, pois usa o que há de mais moderno em tecnologia, como o cromatógrafo de íons”, acrescentou o gerente da Qualidade do Produto, Alfredo Brechó.

Segundo o vice-presidente Francisco Beltrão, a Casal é uma só, por isso, deve trabalhar de forma homogênea e integrada. “Queremos que a empresa se torne referência, temos um caminho muito grande a trilhar”, pontuou. Já o presidente da Companhia, Clécio Falcão, reforçou que não se deve descuidar nem da qualidade do tratamento nem do uso de tecnologia para análise da água.

“Todos nós trabalhamos para equipar a empresa e dar a vocês melhores condições de trabalho para que isso resulte em melhores serviços para a população. Nosso objetivo é ofertar sempre serviços mais qualificados”, afirmou.

Ascom – 03/03/2018

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Deprecated: Directive 'track_errors' is deprecated in Unknown on line 0