Após ser agredida em Maceió, Angela Sousa diz que perdoa Yuri

Angela Sousa relembra agressão de Yuri e diz: ‘Eu o perdoo’

01_1

Angela Sousa dando um rolé de skate: treino para programa de esportes radicais (Foto: Isac Luz / EGO)

Treze de janeiro de 2016. Esta é a data do Ano Novo de Angela Sousa, mais conhecida por ter integrado o balé do “Domingão do Faustão”, e por ter sido vítima de agressão do ex-BBB YuriFernandes. É nesta data que ela embarca para o Peru para gravar o programa piloto de esportes radicais que quer apresentar, o “Plano A”, que será inicialmente veiculado pelo Youtube, mas que já tem proposta de alguns canais fechados.

“O ano passado foi muito pesado. Precisava me reerguer, e esse programa é a prova do que sou hoje: uma pessoa segura, que tem uma nova visão de vida – fruto da minha conversão -, e que reúne ainda um monte de coisa que gosto de fazer como esportes e vida ao ar livre”, diz ela empolgada.

O ano pesado a que ela se refere começou em setembro de 2014, quando ela foi agredida pelo ex-BBB Yuri, com quem namorava, enfrentou trocas de acusações com ele na imprensa, teve seu contrato de 5 anos como bailarina encerrado e entrou em depressão.

Surfe e depressão
“Comecei a perceber que tinha algo estranho quando, já sem acompanhamento psicológico, só queria ficar em casa dormindo, sem comer. Daí, comecei a surfar para tentar dar um basta nisso. Passei por um momento muito ruim. Fiquei realmente mal. Mas isso serviu para me afastar de gente que não queria o meu bem, interesseira. Costumo dizer que não procurei Deus, Ele que me encontrou”, diz ela sobre a conversão em novembro passado.

03_1

Agora, ela se define como uma nova Angela, mais segura de si, corajosa e atenta a pessoas que só querem se aproveitar dela. “Às vezes me pergunto: ‘Como deixei chegar a esse ponto?’ Mas foi bom porque foram essas coisas que me trouxeram onde estou hoje”, diz.

Perdão e solteirice
E a nova Angela conseguiria perdoar seu agressor? “Claro que perdoo o Yuri. O perdão é para quem sabe perdoar, para tirar esse peso das minhas costas. Se guardasse mágoa, isso só me faria mal. Outras pessoas também já me fizeram mal, e eu fiquei tão magoada quanto na situação do Yuri. A diferença é que ele usou a mão para expressar a essência dele. Não quero o mal de ninguém. Quero Justiça. Fiz meu papel de filha, mulher e cidadã”, diz ela deixando bem claro que a ausência de mágoas nada tem a ver com a impunidade ou o “deixa pra lá” do processo judicial que ainda se desenrola.

Enquanto isso ela vai cuidando da vida profissional, e torcendo para quem sabe no futuro arranjar um novo amor. Sim, amigo, desde setembro de 2014, Angela Sousa está solteira. Fardo? De jeito nenhum. “Estou na paz. Não estou fazendo concessões para gente que não quer algo concreto. Quero estar com alguém que me valorize, que me admire e que queira de verdade estar comigo. Acabou esse lance de uma noite e nada mais. Estou há mais de um ano sem ninguém, mas estou bem. Sei que Deus quer sempre o melhor para mim”, diz. Alguém aí se candidata?

09_1-367x275

EGO

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Deprecated: Directive 'track_errors' is deprecated in Unknown on line 0